Sobre a Revista

Foco e Escopo

A Revista de Ciência e Inovação (RCI) constitui-se numa publicação técnico-científica multidisciplinar do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Farroupilha (IFFar). A RCI tem por finalidade publicar trabalhos originais e inéditos da produção científica nacional e internacional nas diversas áreas do conhecimento.

Devido ao seu aspecto multidisciplinar publica artigos originais, artigos de revisão, comunicações curtas nas áreas do conhecimento como Educação; Engenharia, Tecnologia e Gestão; Meio Ambiente e Agrárias; Saúde e Biológicas; e Sociais e Humanidades. Os artigos podem ser publicados em Português, Inglês e Espanhol.

A Revista de Ciência e Inovação apresenta fluxo contínuo de divulgação e encontra-se disponível exclusivamente no formato eletrônico (on-line). Esta revista não cobra taxas dos autores para a submissão, processamento e publicação de artigos e ainda oferece acesso gratuito e aberto ao seu conteúdo em nosso site.

O periódico utiliza o software Open Journal System (OJS), sendo disponibilizado à comunidade científica nacional e internacional por meio do Portal de Periódicos Eletrônicos do IFFar.

 

Processo de Avaliação pelos Pares

Avaliação do trabalho

Serão acolhidos apenas os manuscritos formatados de acordo com as Diretrizes para Autores e cuja temática se enquadre no escopo da revista. Uma análise preliminar verificará o potencial para publicação e seu interesse para os leitores da revista, o atendimento aos requisitos éticos e o relatório do sistema de detecção de plágio. Trabalhos que não atenderem a essas exigências serão recusados.

A submissão de um artigo a RCI implica que o mesmo não tenha sido publicado total ou parcialmente como parte de livros ou em revistas e que não tenha sido enviado simultaneamente a outro periódico. Manuscritos publicados em anais de eventos científicos, em versões preliminares e working papers, ou em plataformas de preprint são considerados inéditos.

Os manuscritos considerados potencialmente publicáveis na Revista de Ciência e Inovação seguem no processo editorial, composto pelas seguintes etapas:

a) Revisão técnica– realizada pelos editores do periódico (desk review). Consiste fundamentalmente da revisão de aspectos de forma e redação científica, para que o manuscrito atenda a todos os itens detalhados nas Diretrizes para autores da revista e esteja apto a ingressar no processo de revisão externa por pares.

b) Revisão externa por pares– O sistema de avaliação é duplo-cego (double blind review), no qual os avaliadores ad hocnão conhecem a identidade dos autores e não são identificados na revisão enviada aos autores. Os trabalhos serão enviados a pelo menos 2 (dois) avaliadores externos especialistas dentre os membros do Conselho Editorial e/ou convidados ad hoc, que avaliarão seu mérito científico e o conteúdo do manuscrito a partir dos seguintes aspectos: originalidade e importância da contribuição, adequação à linha editorial da Revista de Ciência e Inovação, metodologia adequada, cumprimento dos critérios éticos/integridade da pesquisa, relação entre o problema proposto e apresentação/análise dos dados, conclusão respaldada nos dados, clareza, coerência e organização textual, indicação dos principais pontos fortes e fracos do manuscrito. Em caso de discordância nos pareceres recebidos, o artigo será enviado a um novo avaliador, com características similares às dos anteriores, que contribuirá para o desempate. Manuscritos previamente disponibilizados em servidores preprint deverão informar a localização virtual do mesmo (link, DOI etc.) e serão submetidos à revisão cega, em que os pareceristas tomam conhecimento da identidade do/a autor/a. Os editores da revista encaminham a solicitação de avaliação para o especialista com um formulário padrão detalhado. Os avaliadores ad hoc devem seguir as Diretrizes para Avaliadores da Revista de Ciência e Inovação, baseadas nas recomendações do COPE (Committee on Publication Ethics), disponíveis em: https://publicationethics.org/files/Ethical_Guidelines_For_Peer_Reviewers_2.pdf.  Esse processo de parecer por pares implica o compromisso do(s) autor(es) de atender da forma mais satisfatória e breve possível as observações dos avaliadores. A Revista de Ciência e Inovação se reserva o direito de recusar artigos cuja formulação desconsidere as sugestões dos avaliadores sem justificação razoável.

c)      Revisão pelos editores– após o recebimento dos pareceres, os editores verificam o material e encaminham para os autores.  Nessa etapa, o texto será incluído em uma das três categorias:

(i) ACEITO (aceitação incondicional): o artigo deve ser publicado. O tema é de grande interesse para a área do artigo, é inovador e está bem escrito. Apenas pequenas correções são necessárias, e estas podem ser feitas pela própria equipe de editoração;

(ii) REVISÕES REQUERIDAS (aceitação condicional): alterações de pequeno ou médio porte devem ser conduzidas pelo(s) autor(es), respeitando o prazo estipulado pelos Editores. O artigo deve voltar para reavaliação e os Editores verificam o atendimento às sugestões dos revisores ad hoc ou a justificativa para o seu não atendimento;

(iii) REJEITADO (não aceitação): as modificações necessárias ao artigo são tão extensas, que levariam a um novo artigo; assim, o artigo é recusado e o autor pode encaminhar outro, quando desejar.

d) Revisão de editoração– os manuscritos aprovados serão submetidos à revisão de língua portuguesa, língua estrangeira (inglês e espanhol) e normas técnicas (ABNT).  Alguns textos poderão retornar aos autores para consulta e/ou aprovação de eventuais alterações durante o processo. Após essa etapa o manuscrito segue para diagramação, conferência e publicação.

 

Política de seção

 Além dos artigos originais, que têm prioridade, a Revista de Ciência e Inovação publica artigos de revisão e comunicações curtas.

- Artigos originais: trabalhos resultantes de pesquisas científicas com dados originais de pesquisas baseadas em dados empíricos ou teóricos, utilizando metodologia científica.

- Artigos de revisão: avaliação crítica sistematizada da literatura sobre determinado assunto, contendo obrigatoriamente conclusões.

- Comunicações curtas: São breves relatos de achados científicos de interesse das áreas da RCI, mas que não incluem uma análise mais abrangente e uma discussão mais longa. Esta categoria inclui trabalhos de natureza técnica. 

 

Modalidade de publicação

A partir do primeiro semestre de 2021, a Revista de Ciência e Inovação passou a adotar a modalidade de publicação contínua anual. A publicação contínua ou passe móvel é a publicação dos artigos à medida que vão sendo aprovados. Não há fascículos, nem periodicidade.

 

Preceitos éticos

Seguindo as orientações do Comitê de Ética em Publicação (COPE) estimulando a identificação da prática de plágio, más práticas, fraudes, possíveis violações da Ética e denúncias, o corpo editorial da RCI sugere:

- Os autores devem visitar o site do COPE http://publicationethics.org para informações sobre Ética em pesquisa;

- Os autores devem referir-se explicitamente a dados ou resultados de outros trabalhos publicados;

- Os autores devem citar opiniões críticas de outras obras publicadas como são;

- Os autores devem observar os critérios de autoria para que uma pessoa que não contribuiu diretamente com a investigação científica não apareça como autor;

 Os critérios acima devem ser cumpridos com os seguintes procedimentos:

- Os editores avaliarão os manuscritos por sistema anti-plágio imediatamente após a submissão. Os conteúdos dos artigos científicos serão avaliados para identificação de qualquer tipo de plágio, submissões duplas, artigos já publicados e possíveis fraudes em pesquisas;

- O conselho editorial decidirá se o manuscrito poderá ser enviado para avaliação por pares;

- Após a aceitação e antes da publicação, o artigo poderá ser novamente avaliado.

 

Preceitos éticos envolvendo seres humanos ou animais

Os preceitos éticos da pesquisa que envolve seres humanos ou de experimentação animal deverão ser respeitados. A publicação de artigos que trazem resultados de pesquisas envolvendo seres humanos está condicionada ao cumprimento dos princípios éticos contidos na Declaração de Helsinki (1964, reformulada em 1975, 1983, 1989, 1996, 2000 e 2008), da Associação Médica Mundial.

Todos os artigos enviados para a revista que envolve seres humanos e animais devem estar de acordo com a legislação vigente. Para os artigos que passaram pelo comitê o parecer do comitê de ética deve vir anexado ao artigo. Os procedimentos éticos adotados na pesquisa devem ser descritos no último parágrafo da seção de métodos.

 

Errata

Correções e Retratações: erros ou falhas, independentemente da natureza ou da origem, que não configurem má conduta, serão corrigidos por meio de errata. Em artigos já publicados em que a má conduta foi identificada, a retratação será feita informando o motivo da retratação devidamente referenciada. Todos os autores serão solicitados a concordar com o conteúdo.

 

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso imediato e gratuito ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que a disponibilização gratuita do conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

 

Política de arquivamento

Esta revista utiliza o sistema LOCKSS para criar um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes e permite às mesmas criar arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração. 

 

Cadastro de Avaliadores

Caso você não esteja registrado, clique no link http://periodicos.iffarroupilha.edu.br/index.php/cienciainovacao/user/register e registre-se.

Atenção! 

No final da página de registro tem a opção Cadastrar como, você deve selecionar Avaliador. Em seguida, clique no botão Cadastrar.

OBS: NO MOMENTO DO CADASTRO EM BIOGRAFIA PREENCHER SUA TITULAÇÃO MÁXIMA!

 

Instruções aos Avaliadores

Passos para ser avaliador:

Acesse o sistema da Revista de Ciência e Inovação do Instituto Federal Farroupilha

http://periodicos.iffarroupilha.edu.br/index.php/cienciainovacao/index, entre com seu login e senha.

1. Na página de usuário, clique em Avaliador.

Instruções para acessar o artigo a ser avaliado:

1. Acessar o site da revista com o seu login e senha.

2. Entrar na página do usuário como AVALIADOR.

3. Na página SUBMISSÕES ATIVAS, clicar no título do artigo.

4. Na página AVALIAÇÃO, aparecerão as informações sobre o artigo e prazo para o parecer.

5. Ao rolar a página, mais para baixo, em DIRETRIZES PARA AVALIAÇÃO aparecerão os 5 passos de avaliação obrigatórios.

6. No passo 3, clicar no arquivo.doc em MANUSCRITO DE SUBMISSÃO e salvá-lo em sua máquina para avaliação posterior.

7. Em seguida, seguirão três passos: 4 5 e 6. No passo 4, ao clicar no ícone AVALIAÇÃO aparecerá uma outra janela para colar o parecer.

8. No passo 5, se houver comentários no próprio texto, no BROWSE procurar o arquivo da sua máquina e em seguida TRANSFERIR para que o editor/autor tenha acesso posteriormente.

9. No passo 6, fazer a recomendação do artigo: aceitar ou rejeitar sem opções intermediárias, e enviar para o editor.

Para a elaboração do parecer, sugerimos observar os seguintes aspectos:

 1. Adequação do trabalho ao tema proposto;

2. Explicitação do objetivo do trabalho e coerência de seu desenvolvimento no texto;

 3. Conformidade com a teoria proposta, demonstrando conhecimento atualizado da bibliografia relevante;

4. Originalidade da reflexão e contribuição para o campo de conhecimento;

5. Clareza, correção e adequação da linguagem a um trabalho científico.

Maiores informações sobre avaliação de artigos:

http://seer.ibict.br/images/stories/file/tutoriais/tutorial_de_avaliacao_de_artigos.pdf

 

Histórico do periódico

O Portal de Periódicos do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Farroupilha (https://periodicos.iffarroupilha.edu.br/ ) foi criado oficialmente em 2014. É uma iniciativa da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação que visa o desenvolvimento, a democratização ao acesso à pesquisa científica e a qualificação das revistas editadas pela IF Farroupilha, alinhada aos princípios do Acesso Aberto. Possui como objetivo promover o acesso, a visibilidade, a segurança e o suporte dos periódicos científicos da instituição.

Em 2016, teve início a primeira publicação da Revista de Ciência e Inovação. Ainda naquele ano, após a publicação da segunda edição, alcançamos a primeira avaliação Qualis CAPES (B5), fator de grande relevância, dado o curto tempo de existência da revista. Em 2017, a filiação à Associação Brasileira de Editores Científicos (ABEC), iniciativa que contribuiu para melhorar a divulgação e a qualidade das nossas publicações e permitiu a adoção do Digital Object Identifier (DOI), possibilitando a identificação dos artigos publicados com mais facilidade e potencializando a sua circulação.

Nesse período, obtivemos também o acesso a importantes indexadores, portais e divulgadores, como Google Acadêmico, Sumários, Livre (portal para periódicos de livre acesso na Internet), Periódicos Capes e Diadorim (Diretório de Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras). Em 2019, com a ampliação da equipe (bibliotecário), atualizamos o Open Journal Systems, migrando para uma versão mais atualizada (versão OJS 3.1.2.4).

Ao final de 2020, ficou evidente a necessidade de avançar na publicação de artigos científicos em inglês, espanhol, além de português; ampliar as áreas temáticas e por fim adotar a modalidade de publicação contínua.