Uso da abordagem do design thinking na educação

Resumo

O presente artigo busca, através de uma pesquisa bibliográfica, apresentar como a abordagem do design thinking pode contribuir na área da educação. O referido estudo traz a conceituação de design thinking e a proposta metodológica apresentada pelo Instituto Educadigital, o qual em seu manual “Design Thinking para Educadores”, apresenta cinco fases: descoberta, interpretação, ideação, experimentação e evolução. Refere-se também, o uso desta abordagem como diferencial no processo de ensino-aprendizagem, saindo-se da forma tradicional de ensino, buscando-se trazer novos valores aos envolvidos.  O design thinking tem como foco as pessoas e enfatiza o uso da empatia no seu desenvolvimento, visando à formação de indivíduos críticos e autônomos que contribuam de forma positiva na constituição de uma sociedade democrática, através de uma educação de qualidade.
PDF

Referências

BROWN, Tim. Design Thinking: Uma metodologia poderosa para decretar o fim das velhas ideias. Rio de Janeiro: Elsevier, 2010.

INSTITUTO EDUCADIGITAL. Design Thinking para Educadores. Versão em Português: Instituto Educadigital, 2014. Disponível em: <http://www.dtparaeducadores.org.br/site/>. Acesso em: 17 ago. 2018.

VIANNA, Maurício; et al. Design Thinking: Inovação em Negócios. Rio de Janeiro: MJV Press, 2012.